quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Mensagem aos irmãos


Gratidão

Gostaria de compartilhar minha alegria por ter findado um treinamento de 1 ano e meio e agradecer a quem eventualmente tenha orado por mim neste sentido. Trata-se do PEE (Programa de Especialização em Engenharia), que fiz aqui em São José dos Campos. Envolveu várias matérias de pós/engenharia que, para mim, foram bem difíceis, e teve nos últimos 6 meses um grande projeto em grupo para elaborar. Com certeza foi pelo Senhor que terminei.

Senti que o Senhor me abençoou para este treinamento porque teria vários elementos simbólicos para como viver em igreja e ministerialmente, não apenas por vida profissional. Desde o começo tem sido um milagre eu estar aqui. Compartilho minha alegria com os irmãos.

Encorajamento

Aliás, até relacionado à gratidão acima, gostaria que todas as pessoas investidas de autoridade e envolvidas com o governo, advogados, etc, se sentissem encorajados por Jesus a persistirem na honestidade, ética e bom senso. Concordo muito com o que o irmão Rick fala sobre “legalês”, para não termos uma mentalidade legalista, etc, e tenho amigos advogados e gostaria que essas palavras não os derrubassem, mas fortalecesse.

Mesmo sendo de engenharia, durante o treinamento PEE me deparei com questões polêmicas de ética, justiça e nuances em que devia haver transparência a bom senso. E passei por grandes dificuldades entre meus colegas de turma simplesmente por poucas palavras que incomodam coisas encobertas. Imagino superficialmente como deve ser então para quem tem de lidar com isso diretamente e constantemente. Saiba que foi Deus que te colocou onde você está, e tenha bom ânimo! Você é um guerreiro precioso nas mãos de Deus!

Inclusive, gostaria de encorajar, da mesma forma, aos que têm ou tinham o costume de ler as palavras semanais do irmão Joyner, de lerem as palavras 38 (já postada) e 39 (que ainda vou postar); de fato estamos no Brasil, não nos Estados Unidos, e estas leituras abordam muitas coisas relacionadas ao que tem ocorrido lá.

Assim, alguém poderia questionar o porquê de se estudar o que está ocorrendo nos Estados Unidos ou valorizá-lo tanto assim. Minha opinião, onde considero responder a isto, é a seguinte: porque muitas estradas e encruzilhadas pelas quais a igreja passa hoje no Brasil, nossos irmãos de lá já foram e voltaram várias vezes, e pavimentaram um caminho que no mínimo o Senhor permitiu. De fato a cultura, os dilemas e as ênfases podem ser diferentes, mas não custa nada procurar aprender com, em um sentido, os que desbravaram muitos caminhos pelos quais trilhamos hoje, mesmo que você sinta em teu coração algumas coisas diferentes.

A palavra mais recente postada, 38, aborda um assunto de política externa que ganhou significado grande demais em minha alma quanto a relacionamentos, e espero outros entendam o que quero dizer. A 39, que devo postar em breve, também.

É excelente termos uma visão de evangelho integral; Jesus veio para salvar as pessoas e lhes dar vida. De fato vivemos um choque entre mundos, sendo peregrinos na terra mas tendo de trabalhar, planejar, etc. É difícil viver nesta tensão, mas é o certo.

É sufocador querer ir ao evangelho sempre rejeitando o que está acontecendo no mundo, sem querer interpretar e entender, à luz do mesmo, o mundo sobre o qual devemos atuar. Se ele hoje está tendo problemas por não estar firmado no evangelho, isso é motivo ainda maior para eu procurar entender o mesmo pela perspectiva do evangelho.

É sufocador ir à igreja e adorar só porque tem alguém mandando, isso pode sufocar a fé de alguém e a sua verdadeira comunicação com o Criador. Vivemos debaixo dos cuidados de um Deus vivo; espera-se que Ele, em todos os sentidos, sopre vida nas pessoas, e tudo ganha vida aos que têm olhos puros. Logicamente que isso não anula a doutrina de morte da cruz; ainda assim, ela mesmo nos conta de uma ressurreição logo após a morte! Conheçamos não só na morte, mas, tão importante quanto, a vida.

Deus abençoe!

felipe

Um comentário:

Liberdade disse...

Querido irmão, Felipe!
A preciosa paz de Cristo seja o árbitro em seu coração sempre e sempre!
Fiquei profundamente feliz com a notícia de mais uma vitória em sua vida! Pois são muitas!
Apesar de não nos conhecermos fisicamente, podemos conhecer pelo Espírito, este testifica verdadeiramente, pois seu trabalho no Senhor tem gerado frutos. Esse blog é uma bênção, as palavras semanais são fontes inesgotáveis de aprendizado. Considero-o um instrumento de Deus nestes dias de tanta provação e tristeza para a noiva de Cristo no Brasil. Sei que Deus tem falado muito ao coração de muitos que tem lido. Particularmente, não tenho lido as últimas postagens, exceto sobre sua conquista, pois o tempo tem sido escasso. O excesso de trabalho, filhos, família, mas procuro ler sempre que posso e elas tem sido para mim fonte de muita alegria, pois é maravilhoso reconhecermos o remanescente fiel do Senhor nessa terra.
Oro para que continue indo tudo bem com vc, meu irmão, e suas palavras serviram realmente de encorajamento para mim.
Que o Senhor continue derramando graça sobre sua vida!